Cadastro PIS Doméstica 2018 – Como Fazer, Tire as suas Dúvidas


O PIS é um dos números mais importantes para a vida de um trabalhador. Através do PIS o trabalhador tem acesso a diferentes benefícios. Tais como o seguro desemprego e a aposentadoria.

Vale dizer que o PIS é destinado para todo o trabalhador que atua em empresas privadas. Seu objetivo não é apenas oferecer os benefícios sociais aos empregados, mas também ajudá-los a se desenvolver e aumentar sua produtividade junto à instituição.

Outro ponto muito importante com relação ao PIS é que todo atendimento ao pagamento será realizado pelo banco da Caixa Econômica Federal. Isto porque este banco tem uma parceria junto ao governo federal onde é ele quem administra os benefícios e os direitos do trabalhador.

As domésticas têm direito a receber o PIS?

As empregadas domésticas não tem direito a receber o valor do PIS. Afinal de contas este benefício é direcionado apenas para aqueles que trabalham em iniciativas privadas.

Sendo assim, uma casa não pode ser vista como uma empresa. Logo quem trabalha de doméstica não tenho direito a tais benefícios do PIS.

Contudo existem algumas leis que estão sendo estudadas para poder oferecer mais direitos às trabalhadoras domésticas. Mas devido à crise no país possivelmente isso irá demorar um pouco, até que entre em vigor.

Como fazer para ter acesso a benefícios?

Se você atua como uma empregada doméstica e não recebe nenhum benefício da pessoa que te contratou, sugerimos que comece a investir no INSS autônomo.

Caso comece a pagar de forma correta o INSS autônomo, você terá direito a diversos benefícios oferecidos ao trabalhador de uma empresa privada. Ou seja, as empregadas domésticas que pagam corretamente o seu INSS individual tem direito a:

  • Aposentadoria
  • Auxílio doença
  • Auxílio maternidade
  • 13 salário
  • Pensão por morte
  • Auxílio acidente
  • E outros benefícios.

Aqueles que nunca pagaram o INSS autônomo, precisam saber que o valor deve ser pago todos os meses para que você se torne um dos contribuintes da Previdência. Contudo o seu emprego de doméstica não deve ter vínculos, ou seja, não ser registrado em carteira e nem ter contrato.

Para pagar o INSS autônomo

É muito fácil, será necessário ter o número do PIS, escolher a forma que deseja contribuir e o valor, preencher o GPS (guia de previdência social) e depois é só começar a pagar o seu INSS autônomo.

Caso esteja com alguma dúvida com relação a essa modalidade de contribuição, procure a Previdência Social da sua cidade.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: